Sexta-feira, 14 de Agosto de 2015

A PARÓQUIA DE SANTO ANTÃO - ÉVORA

 

Realizou nos dias 25, 26, 27 e 28 do passado Mês de Julho,

o seu Passeio Anual, denominado

"TRÁS-OS-MONTES e MINHO"

com visitas

a Bragança, Mirandela, Chaves, Vila Real, Guimarães e  Braga.

 Cidade da Guarda na Beira Alta ,

Passagem pelo Porto e Mealhada

Ida a  Fátima para Oração.

 

 Organização e Responsabilidade da Agência de Viagens Verde Pino de Fátima.

 

No primeiro dia, saída de Évora,

em direcção a Portalegre,

evora bancodeportugal.jpg

onde se efectuou

uma breve paragem técnica,

para tomar o pequeno almoço,

na moderna Cafetaria José Régio

que, para além, da qualidade,

possui também um bom  serviço,

pelo que foi do nosso agrado.

portalegre-cafe.jpg

Por isso, recomenda-se  a quem passe pela Cidade do poeta José Duro

e onde viveu José Régio

 

 Devido à sua localização houve oportunidade de se admirar

o célebre Plátano do Rossio ou de Portalegre,

plantado em 1838,

sendo a mais antiga árvore Portuguesa

classificada de interesse público

registado a 28 de Agosto de 1938 (ano do centenário).

portalegre - platano.jpg

Nesta nossa passagem, por Portalegre, salientamos que Emília Aranha,

nossa amiga e companheira de outras viagens, ao ter conhecimento da nossa presença,

deslocou-se até ao autocarro, a fim de cumprimentar o grupo e desejar boa viagem,

gesto que muito nos sensibilizou.

 

Continuando

seguiu-se  até à Cidade da Guarda,

com viagem muito agradável que proporcionou

as mais belas e deslumbrantes vistas  

da característica paisagem da  Região da Cova da Beira.

  

cova da beira.jpg

 

A cerca de cem quilómetros do destino,

numa das áreas de serviço

existentes na zona,

efectuou-se a segunda paragem técnica.

003.jpg

002.jpg

 A chegada à Guarda verificou-se dentro do horário previsto, pelo que o grupo,

aproveitando a embalagem,  

seguiu para o Restaurante "A MEXICANA"

001.jpg

a fim de saborear uma das suas especialidades, muito bem confeccionada e farta,

ou não fosse na Cidade dos 5 FS, (Forte, Farta, Fria, Fiel e Formosa)

Após o almoço uma visita à Catedral (Sé),

004.jpg

onde se tinham realizado, pouco antes,celebrações religiosas de um casamento.

 A visita ao centro histórico da Cidade mais alta de Portugal, bem como a vista panorâmica que se disfruta constituiram uma surpresa muito agradável, principalmente para quem não tinha ainda visitado a Capital da Beira Alta e desconhecia o desenvolvimento que tem registado nos últimos anos.

006.jpg

 

 Ruas com as características paredes em granito.

 

005.jpg

004.jpg

Contudo, como não há bela sem senão, tal como na maioria das Localidades do nosso País, também apresenta prédios que necessitam de urgente reparação e conservação, a fim de se evitarem derrocadas que poderão ter consequências muito desagradáveis, com a gravante da culpa ficar, na maioria das vezes, solteira

Depois rumou-se até Bragança, tendo-se admirado as lindas  paisagens proporcionadas por um conjunto de características próprias daquelas paragens.

guarda-bragança.jpg

 A viagem da Guarda até Bragança foi no entanto feita numa directa, como se costuma dizer, uma vez que não existem áreas de serviço ou locais para uma paragem técnica, nomeadamente quando se viaja em grupo.

Contudo, dentro em breve, esta anomalia estará  resolvida, em virtude de se encontrar em construção uma área de serviço entre as duas Cidades.

Ao final da tarde e, depois da passagem pela  Rotunda onde se encontra o monumento dedicado aos camponeses que antigamente chegavam a Bragança montados em burros, o seu meio de transporte,

002.jpg

O grupo instalou-se no

009.jpg

sao lazaro.jpg

Por coincidência, ironia do destino ou talvez não, chegava nesse dia  a Bragança a Imagem da Virgem Peregrina de Fátima, que se encontra a visitar as Dioceses Portuguesas, 

sensibilizando desta forma as comunidades para a Importante Celebração do Centenário das Aparições.

bragança-imagem.jpg

Por isso, alguns componentes do grupo, após o jantar que teve, como prato principal, a posta mirandesa, foram assistir à sua chegada, junto ao posto de correios

bragaca-estcarteiro.jpg

e participaram na procissão de velas.

A paragem, para recepção e  boas vindas, com intervenções de grande sentimento e devoção, verificou-se no Largo da Sé, de que publicamos uma foto tirada antes da chegada da Virgem Peregrina.

bragança-imagempereg.jpg

Pelo seu significado

salientamos as palavras do vice-presidente

da Câmara Municipal (Paulo Xavier)  que,

em representação do Município, disse:

:
 
" a fé e a devoção surgem-nos como a razão para não desistir,
  alento para vencer as adversidades
 e âncora para conquistar caminhos de futuro"
 

Foram momentos inesquecíveis e gratificantes,

pela forma como Bragança

recebeu a Imagem da Virgem Peregrina de Fátima. 

O silêncio e respeito que imperaram, o entusiasmo, alegria e devoção manifestados por todos, desde os mais novos aos mais idosos, ficarão a marcar a participação dos milhares de pessoas presentes,

confirmando  que a Fé é algo que nos transcende.

No segundo dia, após o pequeno almoço e, a colocação das respectivas malas no autocarro, realizou-se a visita ao  Castelo que, até, se avistava do Hotel,

como observam estes participantes.

001.jpg

002.jpg

 

No local

onde hoje se encontra o Castelo

existiu

em tempos, um castro neolítico,

ocupado posteriormente pelos Romanos.

Fica situado no Centro Histórico

e

foi construído durante o reinado de D. Dinis.

 

003.jpg

 

006.jpg

 

 

Numa das fotos

tirada junto

do

Domus Municicipalis,  

para além da vista panorâmica 

vê-se  o Santuário de São Bartolomeu,

cujas festas

se realizam a 24 de Agosto.

004.jpg

 

 

 Na linda Igreja de Santa Maria,

o Reitor de Santo Antâo ( Cónego Manuel Maria Madureira da Silva)

celebrou a Eucaristia.

braganca -igsantamaria.jpg

 

Depois, 

continuou-se

a visita 

do centro histórico,

através das suas artérias,

com a beleza característica

da RegiãoTransmontana

009.jpg

007.jpg

 

 

012.jpg

 

008.jpg

 

 

010.jpg

 com passagem pela Igreja de São Vicente,

onde segundo a lenda

casaram "à socapa"

D. Pedro e D. Inês de Castro.

001.jpg

009.jpg

 Como curiosidade

dizemos que quando o grupo se encontrava no Largo da Sé,

011.jpg

 passou o carro móvel

com a Imagem da Virgem Peregrina de Fátima,

006.jpg

pelo que aos que na véspera tinham estado naquele local

foi-lhes tirada uma foto para recordação.

 

001.jpg

002.jpg

Como complemento dizemos, ainda, que a  Imagem da Virgem Peregrina

deslocava-se para a Catedral onde iria ser celebrada a Eucaristia,

presidida pelo Bispo de Bragança-Miranda D. José  Cordeiro.

bragança - catedral.jpg

Tendo salientado que foi uma manifestação inesquecível

de fé e evangelização,.

 Prosseguindo o nosso Passeio rumámos até Mirandela,

Mirandela.jpg

 onde nos esperava uma feijoada à transmontana  no Restaurante  O Grês.

gres.jpg

Após o  almoço e, da passagem pelo "mercadilho"

que se realizava, muito perto do Restaurante,

integrado nas Festas de Nossa Senhora do Amparo 

que decorreram de 23 de Julho até ao passado dia 2,  

iniciou-se a viagem até Chaves.

 

001.jpg

 

002.jpg

003.jpg

As Termas de Chaves,

que têm uma tradição milenar que remonta ao Império Romano,

encontram-se  inregradas no Centro Urbano conjungando  as virtudes da água

com uma envolvente paisagística natural que convida ao descanso,

à descoberta da natureza e, à consequente cura das suas enfermidades.

termas chaves.jpg

 

Depois o grupo rumou até à Casa de Mateus

para uma visita guiada com informações muito detalhadas

que enriqueceram os conhecimentos do grupo

sobre tão importante Casa.

011.jpg

A  Casa Mateus foi edificada na primeira metade do século XVIII

por António José Botelho Mourão, o terceiro Morgado de Mateus,

sendo um dos poucos Palácios Nobres que,

se conserva na posse da família original, os Sousa Botelho.

O interior que se pode visitar com acompanhamentos,

nomeadamente o Salão Nobre,

a Biblioteca com um exemplar da primeira edição dos Lusíadas e várias salas.

010.jpg

O romantismo e a natureza encontram-se de mãos dadas nos seus jardins, que são dos mais belos e misteriosos do Norte de Portugal, de acordo com as palavras citadas no texto de João Vieira.

 

012.jpg

 

 

013.jpg

 

014.jpg

 

 Seguiu-se a viagem

até

ao Hotel Mira Corgo

em Vila Real,

para alojamento e jantar.

Hotel-Miracorgo.jpg

Depois de jantar

e como é hábito

vários componentes do grupo

efectuaram visita

a algumas artérias da Cidade

situada nas Escarpas do Corgo  

que, outrora, foi conhecida

como a "Corte de Trás-os-Montes".

vila-real.jpg

No terceiro dia,

após o pequeno alomoço

e da colocação das malas no autocarro

visita guiada

da Cidade de Vila Real que,

constituiu mais uma excelente oportunidade

para conhecermos

melhor aquelas paragens,

não só pelos monumentos,

casas típicas, mas também

e, especialmente pelo asseio e preservação das suas artérias,

muitas das quais devidamente ajardinadas.

 

 

Como curiosidade dizemos que na Rua 31 de Janeiro (antiga Rua das Pedrinhas), 

perto do Igreja de São Paulo, Igreja dos Clérigos ou Capela Nova.

002.jpg

 

deparámos com uma pequena latoaria, que tinha à venda uma lanterna em lata,

que nos fez lembrar algumas que existiram na Cidade de Évora

l

003.jpg

VilaReal.-.jpg

Dado que grande parte do percurso do passeio fez parte do

"Douro Vinhateiro"

dizemos que é uma região demarcada do Douro instituída em Setembro de 1756,

por alvará de D. José I

por iniciativa do Governo do Marquês de Pombal.

Parte da região foi classificada

como Património Mundial da Unesco

em Dezembro de 2001, sob o nome de Região Vinhateira do Alto Douro.

As vinhas quer nas encostas

como nos lugares mais planos proporcionam uma paisagem

que só por si merece uma visita

As ramadas ou vinhas de latadas, também chamadas de  pérgola e caramachão vieram substituir a maior parte das vinhas do enforcado,  são uma beleza da natureza que encanta o mais exigente.

vinha.jpg

vinhas.jpg

Depois

saída em direcção

a Guimarães

para visita

do Santuário da Penha

e do seu complexo,

um dos locais

mais emblemáticos

e de grande beleza,  

de onde se admira

uma vista panorâmica digna de realce.

 

013.jpg

 

016.jpg

 

 

014.jpg

007.jpg

A Cidade Vimaranense vista da Penha

008.jpg

 Dado que o estômago  

começava a dar horas

seguiu-se

para

o Restaurante Florêncio,

a fim de satisfazer a sua vontade

e apreciar "Rojões à Minhota"

mais uma excelente iguaria da gastronomia do Minho.

Florencio.png

Após o almoço a troca de autocarro, passando do preto/azulado  para o amarelo, 

ou não nos encontrássemos em vésperas do início da 77ª. volta a Portugal em bicicleta,

sob o olhar atento do Reitor de Santo Antão.

006.jpg

  visita ao centro histórico da Cidade que foi Berço da Nação

015.jpg

001.jpg

 

A Igreja de Nossa Senhora da Oliveira,

também conhecida como Colegiada de Guimarães,

Praça de S. Tiago e Rua da Oliveira foram alguns dos locais visitados.

005.jpg

 

004.jpg

006.jpg

Depois saída em direcção a Braga

com visitas à Catedral, centro histórico

e panorâmica dos monumentos barrocos.

 

001.jpg

 

 

 

002.jpg

 

catbraga.png

 

braga-cidade.jpg

 

braga- praca rep..jpg

 Seguiu-se a subida ao Monte do Bom Jesus para alojamento no Hotel Templo

templo-ht..jpg

 

e jantar no Hotel Elevador.

hotelelevador.jpg

 

A seguir ao jantar, um café, um gelado, uma bebida ao gosto ou hábito de cada um , entre outras iguarias, nas esplanadas, bem como o passeio para descompressão acompanhados de conversas de ocasião, em  local tão aprazivel, respirando o ar puro com a tranquilidade e sossego da noite,  foi o princípio de um sono repousante.

braga - vista bom.jpg

 

No quarto dia,

após o pequeno almoço,

visita do

Santuário do Bom Jesus do Monte

que,desde o passado dia 5 de Julho,

foi elevado a Basílica Menor.

009.jpg

santuario-do-bom-jesus.jpg

 Escadaria do Santuário

bomjesusbraga.jpg

O elevador

bomjesuselevador.jpg

Gruta no monte jardim

bomjesus-montejardim.jpg

 

 Após a visita  

rumou-se até ao Santuário do Sameiro,

010.jpg

sameiro,.jpg

sameiro.jpg

002.jpg

onde participámos na Missa celebrada

pelo Reitor de Santo Antão ( Cónego Manuel Maria Madureira da Silva)

sameiro-ig.jpg

A seguir o grupo saíu em direcção à Cidade do Porto, a fim de na Rua de Santa Catarina efectuar algumas compras, admirar o movimento da mesma, comparar saldos e tomar conhecimento das próximas novidades , nomeadamente do sector de vestuário.

rua santa catarina.jpg

A Capela das Almas ou Capela de Santa Catarina, na Esquina da Rua de Santa Catarina com a Rua Fernandes Tomás, construída nos princípios do Século XVIII, encontra-se revestida  por cerca de 16.000 azulejos que cobrem cerca de 360 metros quadrados de parede e, que datam de 1929.

Os azulejos representam os Passos da Vida de São Francisco de Assis e de Santa Catarina venerados na Capela.

igreja catarina.jpg

O conhecido e emblemático Café Majestic

também não passou sem uma visita,

nem que tenha sido

para satisfazer as necessidades fisiológicas.

majestic.jpg

À hora combinada saída em direcção à Mealhada

onde no Restaurante Floresta ( já conhecido do grupo)

rest.florestaleitões.png

nos aguardava "O Leitão à Bairrada",

uma das quatro  Maravilhas da Região ( Leitão, Água, Vinho e Pão).

leitao.jpg

 A seguir rumámos para Fátima,

onde cada um à sua maneira e devoção efectuou as suas orações

e, colocou velas de acordo com as suas intenções.

Santuario_de_fatima.jpg

Seguiu-se o regresso com a  chegada a Évora  ao fim da tarde.

Como reflexão dizemos que foi um bom passeio, com o senão de ter sido apenas de quatro dias, quando deveria ter tido a duração de cerca de oito dias, a fim de se poderem apreciar melhor as belezas naturais daquela zona.

Aproveitando a maré, como soe dizer-se, apresentamos o nosso agradecimento  a todos os participantes com um abraço para a guia Maria Graciosa  e para o motorista Armando Gonçalves, pelo excelente trabalho prestado e, que muito contribuiu para o êxito alcançado, confirmando que são dignos profissionais ao serviço de uma difícil actividade, cada vez mais exigente.

Terminamos com as palavras dirigidas ao grupo, por uma das pessoas inscritas que, por motivos de saúde, não fez parte do passeio, na esperança que, com fé, os seus desejos se concretizem. 

"Minhas amigas e meus amigos

como sabeis tenho estado doente

com problemas para poder viajar.

Outros Passeios/Peregrinações surgirão,

pelo que se Deus quiser nos iremos juntar.

Desejo uma boa viagem para todos .

Um abraço da amiga de sempre.

M.A."

.

 ARMANDO RIBEIRO

publicado por armandoribeiro às 20:11
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Quarta-feira, 12 de Agosto de 2015

TOIROS EM CORUCHE

001.jpg

ARMANDO RIBEIRO

 

publicado por armandoribeiro às 19:30
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12

18
19
21

24
27
28
29

30


.posts recentes

. TEATRO EM ÉVORA

. LIVROS À RUA

. GRUPO FLAUTUÉ

. FIGURAS DO DESPORTO EBORE...

. ACÇÃO SOCIAL

. PAPA FRANCISCO

. DIA MUNDIAL DA BIODANZA

. PASSEIO PEREGRINAÇÃO

. GRUPO DESPORTIVO DO BAIRR...

. FEIRA DO LIVRO

.arquivos

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

.contador

free counters

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds